Quem são os aposentados e pensionistas escolhidos pelo INSS que vão fazer Prova de Vida pelo celular

Quem são os aposentados e pensionistas escolhidos pelo INSS que vão fazer Prova de Vida pelo celular
Quem são os aposentados e pensionistas escolhidos pelo INSS que vão fazer Prova de Vida pelo celular

Quem são os aposentados e pensionistas escolhidos pelo INSS que vão fazer Prova de Vida pelo celular.

INSS vai começar a realizar a prova de vida de seus beneficiários pelo celular, de maneira digital. Um projeto-piloto com 550 mil beneficiários de todo o Brasil deve ser iniciado no próximo mês de agosto, segundo o presidente do órgão, Leonardo Rolim.

>Aposentados e pensionistas do INSS: confirme as datas de pagamentos de julho

Num primeiro momento, o mecanismo será feito por meio de reconhecimento facial, com o uso da câmera do celular, para quem já tem carteira de motorista ou título de eleitor digital. “A pessoa vai poder fazer a prova de vida em casa”, afirma Rolim. No futuro, o INSS também vai incorporar o uso da biometria por meio da chamada “digital viva”.

>INSS define meses de pagamentos do 13º salário de 2021 para aposentados e pensionistas

O foco do piloto são as pessoas que deveriam ter feito a prova de vida logo antes da suspensão da exigência, em meados de março por causa da pandemia do novo coronavírus. Ou seja, beneficiários que fizeram aniversário em janeiro ou fevereiro, por exemplo. O ponto de partida do projeto vai incluir cerca de 1,5% dos 36 milhões de beneficiários do INSS.

>Aposentado do INSS que trabalhou em dois empregos pode pedir aumento do benefício

A prova de vida é feita pelo segurado a cada 12 meses para comprovar que ele está vivo. Esse procedimento é obrigatório para que o benefício continue sendo pago. Pelas regras atuais, a prova de vida é feita na agência bancária, ou seja, requer que o beneficiário se desloque e se apresente presencialmente ao banco. Em casos de impossibilidade de locomoção ou se o segurado tiver mais de 80 anos, o procedimento pode ser feito em seu domicílio por um servidor do INSS.

“O objetivo é minimizar ao máximo a necessidade de as pessoas irem ao banco ou à agência do INSS para fazer prova de vida, buscando simplificar a vida das pessoas”, afirma o presidente. O órgão ainda está decidindo como fará a notificação dos beneficiários elegíveis para dar início ao projeto.

>Governo recebe INC com pedido do décimo quarto (14°) salário dos aposentados e pensionistas do INSS

Como saber quem são os escolhidos parta fazer a Prova de Vida pelo Celular?

O INSS deve comunicar as pessoas que estão entre 550 mil escolhidos para fazer a prova de Vida pelo celular por meio de carta ou extra bancário. Portanto fique atento a sua caixa de correio e ao seu extrato.

>Aposentados e pensionistas do INSS podem ganhar esses benefícios ainda este ano

Veja como acessar o Meu INSS para fazer a nova prova de Vida

A central de serviços Meu INSS pode ser acessada por meio do site meu.inss.gov.br. A senha inicial pode ser conseguida pelo próprio portal após responder a perguntas.

É preciso informar nome e CPF (campos obrigatórios), além de endereço de e-mail e número de telefone (informações opcionais). Durante o processo de inscrição, o cidadão terá que confirmar o nome da mãe, assim como seu dia e seu mês de nascimento.

>4 tipos de empréstimo: qual o melhor para aposentados e pensionistas do INSS escolher?

O cadastramento depende ainda da confirmação de informações trabalhistas e previdenciárias do cidadão. Neste caso, é preciso escolher a opção correta sobre a última empresa onde trabalhou recolhendo para a Previdência Social, o ano em que ingressou nessa companhia e até se recebeu benefício do INSS nos últimos cinco anos. Terminada esta etapa, o interessado recebe um código de validação enviado por SMS ou um link por e-mail. A partir daí, pode cadastrar sua senha de acesso.

>300 mil beneficiários podem receber atrasados do INSS em um dos 6 lotes até o fim do ano

Anote a senha inicial. Ela será necessária para cadastrar sua senha definitiva, que deverá conter, pelo menos, nove caracteres com uma letra maiúscula, uma letra minúscula e um número, no mínimo. Após ser cadastrado, o segurado deverá clicar em “Entrar”. Uma tela do portal gov.br se abrirá para informar o CPF e a senha.

Fonte: Com informações do Estadão Conteúdo

Veja mais