Saiba quando se aposentar – ganhando um valor bem maior

Saiba quando se aposentar - ganhando um valor bem maior
Saiba quando se aposentar – ganhando um valor bem maior

Saiba quando se aposentar – ganhando um valor bem maior

Saber quando vai se aposentar e acertar nas contribuições é a receita para receber mais para o resto da vida. As mudanças na aposentadoria da mulher retardaram o início do recebimento, mas criaram a oportunidade de ter um benefício maior.=

A maioria das pessoas se preocupam apenas com o “quando” vai se aposentar. Isso tinha sentido até o fim do ano passado porque os trabalhadores podiam excluir apenas 20% das menores contribuições, mas agora com a mudança na fórmula de cálculo podem excluir quantas contribuições quiserem.

Exclua as contribuições baixas
Para ter um benefício a lei exige um número mínimo de contribuições de acordo com a regra de acesso de cada modalidade de benefício. Na aposentadoria por idade, por exemplo, são 15 anos. Para efeito de cálculo, a nova lei permite que o trabalhador exclua as contribuições que excedem este número mínimo. Assim, neste exemplo da aposentadoria por idade, quem tem 30 anos de contribuição pode descartar 15 anos das menores contribuições. Isso pode aumentar o valor do benefício.

Quem se planejar vai se dar bem
As aposentadorias são calculadas com base nas contribuições de julho/1994 até o mês do benefício. Com a possibilidade de excluir muitos dos menores salários, quem aumentar as contribuições de forma planejada pode ter vantagem na hora da aposentadoria, para isso é importante saber quando vai se aposentar.

Dá para esperar um pouco

Quem já estiver pronto para se aposentar ou está muito próximo da aposentadoria, ganhou uma nova chance que não pode ser desprezada. Retardar a data da aposentadoria para aumentar as contribuições é uma dica importante. Ter um plano e uma estratégia pode fazer a diferença. Pense se não vale a pena esperar um pouco.

Revisão dos cálculos
Quem já se aposentou depois da reforma da previdência ainda pode recuperar o tempo perdido. Períodos sem registro do passado, contribuições que não foram feitas, trabalhos que não foram documentados, atividades insalubres ou perigosas, tudo que ficou para trás pode ser recuperado e servir para revisar o cálculo do benefício. A dica é: cada mês recuperado do passado pode servir para excluir uma contribuição baixa que serviu para calcular o benefício. Quantos mais tempo for recuperado, mais contribuições baixas poderão ser excluídas. E o resultado é o aumento da aposentadoria.

Fonte: A Cidade On | Por: Hilário Bocchi Júnior

>China identifica carne importada do Brasil infectada com coronavírus

Veja mais