Como hidratar o cabelo com óleos vegetais e seus benefícios

Como hidratar o cabelo com óleos vegetais e seus benefícios
Como hidratar o cabelo com óleos vegetais e seus benefícios © Shutterstock

Como hidratar o cabelo com óleos vegetais e seus benefícios. Nosso cabelo faz parte da nossa imagem e reflete nossa saúde geral.

No dia a dia, existem fatores que podem degradá-lo, mostrando cabelos com frizz, opacos e até com possíveis quedas. Entretanto, a solução é simples. Podemos hidratar o cabelo com óleos vegetais e assim, devolver toda a sua beleza.

>Faça sua sobrancelha crescer para corrigir falhas com esses óleos naturais

Hidratar o cabelo com óleos vegetais

Além dos produtos que podemos encontrar em diferentes lojas e perfumarias, existem alguns tratamentos naturais, como óleos vegetais. Esses produtos fornecem os ingredientes ativos concentrados de várias plantas.

>Óleo de canela: Como usar esse termogênico perfeito para secar sua barriga

Óleo de gergelim

Os hindus costumam usar óleo de gergelim para massagear o corpo e os cabelos e, neste segundo caso, isso ajuda a prevenir a calvície e a caspa.

É bastante oleoso, então vamos usá-lo para massagear todos os fios de cabelo e o couro cabeludo apenas no caso de cabelos secos.

Este óleo é altamente antioxidante, rico em vitaminas e minerais e possui propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e antifúngicas.

>Aroma e limpeza com Óleos essenciais: Receitas de Spray de limpeza

Óleo de amêndoas

O óleo de amêndoa é um dos mais conhecidos e usados, e um dos motivos é que é um dos mais econômicos mas nem por isso, possui menos propriedades.

É ideal para cabelos principalmente secos e quebradiços, para suavizar e remover o volume ocasionado pelo frizz.

>Óleo essencial de limão: Veja os benefícios e duas formas de fazer em casa

Óleo de coco

O óleo de coco ajuda a regular problemas dermatológicos, como caspa ou coceira. O óleo de coco virgem, com seu aroma delicioso e textura delicada, é o segredo de muitas mulheres indianas para manter seus cabelos saudáveis ​​e bonitos.

Podemos aplicá-lo no cabelo e no couro cabeludo antes da lavagem, massageando bem para que penetre profundamente.

Será muito útil em casos de caspa, dermatite seborreica ou prurido em geral, pois possui propriedades antibacterianas. Se tivermos cabelos muito oleosos, podemos seguir o mesmo procedimento, mas usando leite de coco.

>Descubra método simples de fazer seu próprio Óleo de Coco em casa

Como hidratar o cabelo com óleos vegetais

Sem molhar o cabelo, aplicaremos o óleo que escolhermos da metade da cabeleira até as pontas, ou do couro cabeludo, se o tivermos muito seco.

Vamos envolver o cabelo com uma touca ou filme plástico e uma toalha e deixar pelo menos meia hora. Também podemos deixar a noite toda. Depois, lavaremos o cabelo como de costume.

>Confira o melhor tratamento com Óleo essencial para os Cabelos

Se tivermos pontas duplas, podemos aplicar algumas gotas após a lavagem. E para os cabelos muito secos e sem brilho, recomendamos colocar duas ou três gotas na palma da mão, esfregar e distribuí-las bem entre todos os fios de cabelo, massageando suavemente e penteando.

Outra opção para quem tem cabelos oleosos é misturar, em partes iguais, o óleo escolhido com gel natural de Aloe Vera.

>Receitas naturais para acabar com a queda de cabelo; babosa e óleo de alecrim

Assim, a máscara não ficará tão oleosa, mas permitirá hidratar e nutrir bem os cabelos. Os óleos também podem ser adicionados a máscaras, xampus ou tinturas naturais, como as de hena.

Fonte: Melhor com Saúde

Veja mais